História Infantil – A Ciranda das Cores

História Infantil – A Ciranda das Cores

Numa clara manhã de sol, o azul do céu e do mar resolveram com outras cores conversarem. Chamou o amarelo do sol, o vermelho da maçã, o verde do capim, o branco das nuvens e se pôs a falar:

– Vamos brincar de trocar de lugar?

As cores acharam a ideia bastante divertida e, como estrelas cadentes coloridas, todas bailaram no ar. Giraram e giraram. E a cada giro, inventavam um lugar. Depois, de novo giraram e giravam até reencontrar o mesmo lugar e um mundo de cores reinventar.

E, rapidamente, tudo ficou diferente. O céu ficou vermelhinho de doer nos olhos da gente!

As nuvens ganharam uma cor amarela e reluzente!

O verde se espalhou pelo mar e toda a areia da praia se fez azul. Tudo se modificou de Sul a Norte e de Norte a Sul.

O jumento ficou parecido com o boi-bumbá, pois todas as cores decidiram o bichinho enfeitar.

O pintinho que antes era amarelinho, agora ficou azul e rosa.

A galinha, após botar ovos da cor de chocolate, se exibia toda vaidosa.

Naquela manhã, o mundo um novo colorido ganhou.

E toda essa história começou quando o papai deixou cair, sem querer, bem mais que um pinguinho de tinta sobre o papel. Foi tanta tinta que o desenho que o menino acabara de fazer ficou todo coberto de azul.

Mas, em vez de chorar, o menino convidou o azul para com todas as cores brincar. Deu asas a sua imaginação, deixou seu coração a cirandar.

No giro da ciranda das cores, o menino se encheu de ideias. Descobriu que sempre é possível a nossa história reinventar, o nosso futuro colorir e nosso mundo transformar.

Essa ciranda é assim, não começa em você e nem termina em mim. É uma historia sem fim…

 

História Infantil
Termos, Políticas e Direitos Autorais

Cliqueee Aquiiiiii Agoraaaa e Acesse MILHARES de Imagens em Alta Resolução, Editáveis (Maisssss 20 Cursos Completos). ►►►►► Moldes e Imagens Vetorizadas ◄◄◄◄◄